Ales explica cyberbullying para alunos da rede

Palestra foi uma ação conjunta da Comissão de Proteção à Criança e ao Adolescente e da CPI dos Crimes Cibernéticos

Por Luciana Wernersbach

Palestra sobre cyberbullying em Vitória
Palestra sobre cyberbullying foi em auditório de igreja em Vitória / Foto: Lissa de Paula

Ameaças por meio de redes sociais, e-mail ou celular; mensagens de conteúdo obsceno ou violento; e boatos que ofendem, entre outros, são exemplos de cyberbullying. Esse foi o tema da palestra que Comissão de Proteção à Criança e ao Adolescente e de Política sobre Drogas e a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Crimes Cibernéticos da Assembleia Legislativa levaram a estudantes da rede pública do ensino médio nesta quarta-feira (11) no bairro Jabour, em Vitória.

O especialista em Segurança da Informação, Gilberto Sudré, explicou que o bullying digital chega a ser mais grave do que o bullying fora da internet.

Gilberto Sudré também deixou claro aos estudantes que a internet não é uma terra sem lei: existe legislação e as punições podem ser aplicadas baseadas nos Códigos Penal e Civil, além das leis atuais específicas para crimes de internet, a exemplo da “Lei Carolina Dieckman”. Ao final, o especialista deu dicas aos estudantes de como se portar nas redes sociais.

Essa palestra já aconteceu na Assembleia, mas o deputado Vandinho Leite, presidente da Comissão, disse que percebeu o interesse dos estudantes, e isso o moveu a realizá-la fora do parlamento, no auditório de uma igreja no bairro Jabour, em Vitória. Também estiveram presentes os deputados Delegado Lorenzo Pazolini e Capitão Assumção, representantes do governo e do conselho tutelar.

Comissão de Proteção à Criança debate saúde mental
Comissão de Proteção à Criança recebe, na segunda-feira (14), entidade sem fins lucrativos que realizada psicoterapia para crianças e adultos 
Mameri está no programa Com a Palavra desta 2ª
Em seu primeiro mandato na Assembleia, deputado ocupa a segunda secretaria e é autor de iniciativas na área da saúde e do meio ambiente
Cresce violência em Ecoporanga, aponta comunidade
Tendência vem sendo verificada este ano na cidade, que tem pouco mais de 23 mil habitantes e enfrenta problemas como tráfico de drogas e reduzido efetivo policial
Mais transparência para dados ambientais
Proposta de Sergio Majeski é embasada em iniciativa do Ministério Público Federal
Comissão de Proteção à Criança debate saúde mental
Comissão de Proteção à Criança recebe, na segunda-feira (14), entidade sem fins lucrativos que realizada psicoterapia para crianças e adultos 
Mameri está no programa Com a Palavra desta 2ª
Em seu primeiro mandato na Assembleia, deputado ocupa a segunda secretaria e é autor de iniciativas na área da saúde e do meio ambiente
Cresce violência em Ecoporanga, aponta comunidade
Tendência vem sendo verificada este ano na cidade, que tem pouco mais de 23 mil habitantes e enfrenta problemas como tráfico de drogas e reduzido efetivo policial
Não há notícias referenciadas.