Inauguração de núcleo da Defensoria é destaque da semana

Promulgação de lei de incentivo à produção de flores e aprovação pelo Plenário de normas para a criação de abelhas sem ferrão também ocorreram essa semana

Por Wanderley Araújo

Deputados em Plenário
Ales também aprovou isonomia de tratamento para civis e militares nomeados em cargos no Executivo / Foto: Tati Beling

Os deputados estaduais aprovaram nesta semana projetos que tramitavam em regime de urgência tratando de assuntos variados, desde a normatização de criação de abelhas até a concessão aos militares ocupantes de cargos de secretário e subsecretário de Estado de tratamento remuneratório isonômico com relação aos demais servidores públicos situados na mesma condição jurídica.

O benefício aos militares foi possível mediante o Projeto de Lei Complementar (PLC) 55/2019, encaminhado pelo Executivo.

Já a temática relacionada às normas para a criação de abelhas fez parte do Projeto de Lei (PL) 857/2019 de Janete de Sá, que institui vários critérios sobre o assunto.

Também aprovado, o Projeto de Lei (PL) 559/2019, de Luciano Machado (PV), obriga as escolas a fazerem adaptações nas salas de aula para alunos com Transtorno de Déficit de Atenção e com Hiperatividade (TDAH) e a disponibilizarem cadeiras em locais determinados para eles.

Produção de flores

Outro fato relacionado ao Parlamento Capixaba nesta semana foi a publicação, na edição do dia 4 de outubro do Diário do Poder Legislativo (PDL), da Lei 11.062, de Janete de Sá, que cria estímulos para cadeia produtiva da floricultura no estado. A norma reúne diretrizes, instrumentos e atribuições de órgãos públicos na execução de uma política de incentivo à floricultura de qualidade. A nova lei foi promulgada pelo presidente do Legislativo, Erick Musso (Republicanos), e já está em vigor.

Defensoria

A semana teve a inauguração do Núcleo da Defensoria Pública na Assembleia Legislativa (Ales). A unidade, que leva o nome do ex-presidente da Ales Elcio Alvares, vai oferecer serviços gratuitos de orientação e atendimento jurídico.

Tribuna popular

A semana contou também com a Tribuna Popular, que acontece na primeira segunda-feira de cada mês. O presidente da Associação Evangélica Beneficente Espírito Santense (Aebes), pastor Alexander Mendes Cunha, falou sobre quase 12 milhões de atendimentos realizados pelo Hospital Evangélico de Vila Velha. A Aebes é mantenedora do Evangélico. A importância da imprensa livre e da hotelaria hospitalar também estiveram entre os temas abordados pelos convidados da Tribuna Popular desde mês de novembro.   

Mantido veto parcial a PL sobre pesagem de produtos
Estabelecimentos ficam desobrigados a destacar funcionário para conferir peso, mas deverão disponibilizar balança para uso do consumidor  
Descartáveis: semana para debater uso zero
Emílio Mameri sugere que data sirva para esclarecer impactos causados por esses produtos
Personal poderá ter livre acesso às academias
PL do Delegado Danilo Bahiense acaba com cobrança de taxas por parte dos alunos e educadores físicos
Doenças raras: diagnóstico tardio e custo do tratamento são entraves
Presidente de associação de apoio aos pacientes, Cristiane Alvarenga, defende criação de centro de referência para atendimento aos pacientes
Mantido veto parcial a PL sobre pesagem de produtos
Estabelecimentos ficam desobrigados a destacar funcionário para conferir peso, mas deverão disponibilizar balança para uso do consumidor  
Descartáveis: semana para debater uso zero
Emílio Mameri sugere que data sirva para esclarecer impactos causados por esses produtos
Personal poderá ter livre acesso às academias
PL do Delegado Danilo Bahiense acaba com cobrança de taxas por parte dos alunos e educadores físicos
Não há notícias referenciadas.