Ar-condicionado: PL exige manutenção preventiva

Proposta abrange imóveis residenciais, comerciais, laboratórios, hospitais no estado, entre outros

Por Redação Web Ales, com a contribuição de Matheus Nobre

Capitão Assumção
PL de Assumção deve receber parecer de quatro comissões da Ales / Foto: Lissa De Paula

Preocupado com a segurança dos capixabas ao utilizar os aparelhos de ar-condicionado em ambientes fechados, o deputado Capitão Assumção (PSL) sugeriu como medida preventiva o Projeto de Lei (PL) 836/2019 que estabelece a manutenção anual do equipamento.

“As variações de temperaturas e a constante realização de testes de resistência são fatores que contribuem para aumentar o risco de acidentes, que podem causar prejuízos patrimoniais e, até mesmo, ter um desfecho fatal, uma vez que muitos estão expostos em locais de passeio de pedestres e de automóveis”, explicou Assumção na justificativa do projeto.

De acordo com a matéria, a revisão do produto seria realizada, por empresa especializada, em imóveis residenciais, comerciais, laboratórios, hospitais e outros ambientes que possuam climatizadores. 

Segundo a proposta, os proprietários das edificações, bem como os locatários, deverão exigir da empresa a revisão anual e, caso a administradora descumpra a ordem prevista na virtual lei, poderá receber uma advertência dos órgãos fiscalizadores.

Ainda sobre as penalidades, a proposição adverte que o descumprimento acarretará em pagamento de multa entre 200 e 3 mil Valores de Referência do Tesouro Estadual (VRTEs) – correspondente hoje a R$ 684,34 e R$ 10,2 mil, respectivamente. 

Para que as empresas tenham tempo hábil para se adequarem, o PL define que a norma passará a valer 180 dias após a data de sua publicação em diário oficial.

Tramitação

O projeto foi lido em plenário e aguarda parecer das comissões de Justiça, Meio Ambiente, Saúde e Finanças.
 

Apoio a motoristas de apps é tema de discursos
Tema foi destaque na sessão ordinária desta quarta-feira nos discursos dos deputados Vandinho Leite e Enivaldo dos Anjos
Mantido veto parcial a PL sobre pesagem de produtos
Estabelecimentos ficam desobrigados a destacar funcionário para conferir peso, mas deverão disponibilizar balança para uso do consumidor  
Descartáveis: semana para debater uso zero
Emílio Mameri sugere que data sirva para esclarecer impactos causados por esses produtos
Personal poderá ter livre acesso às academias
PL do Delegado Danilo Bahiense acaba com cobrança de taxas por parte dos alunos e educadores físicos
Apoio a motoristas de apps é tema de discursos
Tema foi destaque na sessão ordinária desta quarta-feira nos discursos dos deputados Vandinho Leite e Enivaldo dos Anjos
Mantido veto parcial a PL sobre pesagem de produtos
Estabelecimentos ficam desobrigados a destacar funcionário para conferir peso, mas deverão disponibilizar balança para uso do consumidor  
Descartáveis: semana para debater uso zero
Emílio Mameri sugere que data sirva para esclarecer impactos causados por esses produtos