Ar-condicionado: PL exige manutenção preventiva

Proposta abrange imóveis residenciais, comerciais, laboratórios, hospitais no estado, entre outros

Por Redação Web Ales, com a contribuição de Matheus Nobre

Capitão Assumção
PL de Assumção deve receber parecer de quatro comissões da Ales / Foto: Lissa De Paula

Preocupado com a segurança dos capixabas ao utilizar os aparelhos de ar-condicionado em ambientes fechados, o deputado Capitão Assumção (PSL) sugeriu como medida preventiva o Projeto de Lei (PL) 836/2019 que estabelece a manutenção anual do equipamento.

“As variações de temperaturas e a constante realização de testes de resistência são fatores que contribuem para aumentar o risco de acidentes, que podem causar prejuízos patrimoniais e, até mesmo, ter um desfecho fatal, uma vez que muitos estão expostos em locais de passeio de pedestres e de automóveis”, explicou Assumção na justificativa do projeto.

De acordo com a matéria, a revisão do produto seria realizada, por empresa especializada, em imóveis residenciais, comerciais, laboratórios, hospitais e outros ambientes que possuam climatizadores. 

Segundo a proposta, os proprietários das edificações, bem como os locatários, deverão exigir da empresa a revisão anual e, caso a administradora descumpra a ordem prevista na virtual lei, poderá receber uma advertência dos órgãos fiscalizadores.

Ainda sobre as penalidades, a proposição adverte que o descumprimento acarretará em pagamento de multa entre 200 e 3 mil Valores de Referência do Tesouro Estadual (VRTEs) – correspondente hoje a R$ 684,34 e R$ 10,2 mil, respectivamente. 

Para que as empresas tenham tempo hábil para se adequarem, o PL define que a norma passará a valer 180 dias após a data de sua publicação em diário oficial.

Tramitação

O projeto foi lido em plenário e aguarda parecer das comissões de Justiça, Meio Ambiente, Saúde e Finanças.
 

Segurança discute pleitos de policiais civis
Reunião ordinária do colegiado começa às 11 horas de segunda-feira (25)
Criação de Academia de Letras Estudantil em pauta
Comissão vai debater projeto em reunião ordinária nesta segunda-feira (25), às 9 horas no Plenário Judith Castello Leão Ribeiro
Turismo aborda potencial de Santa Maria de Jetibá
Colegiado da Assembleia recebe a secretária municipal de Cultura e Turismo, Marineuza Plaster Waiandt
Pó preto: frente cobra política de longo prazo
Reunião presidida por Gandini teve apresentação do professor da Ufes Neyval Costa Reis Júnior
Segurança discute pleitos de policiais civis
Reunião ordinária do colegiado começa às 11 horas de segunda-feira (25)
Criação de Academia de Letras Estudantil em pauta
Comissão vai debater projeto em reunião ordinária nesta segunda-feira (25), às 9 horas no Plenário Judith Castello Leão Ribeiro
Turismo aborda potencial de Santa Maria de Jetibá
Colegiado da Assembleia recebe a secretária municipal de Cultura e Turismo, Marineuza Plaster Waiandt