Exposição de fotografias na Ales vai até dia 30

Fotos documentais produzidas com técnicas mistas por Ana Montez recebem uma intervenção da fotógrafa para acrescentar significado ao resultado final do trabalho

Por Aldo Aldesco, com edição de Angèle Murad | Atualizado há 6 dias

Fotografia de menino em pista de skate
Foto: Lucas S. Costa (capa)/ Ana Salles (interna)

Fotografias produzidas com técnicas mistas, utilizando-se a captura das imagens com uma máquina digital Nikon D-750. Depois, elas são impressas em papel fotográfico previamente desenhado, ou aplicando-se a foto desenhos com guache ou aquarela. 

Essa é a exposição com 38 fotos e vários formatos inaugurada nesta segunda-feira (21), na Galeria da Presidência. A autora é a fotógrafa Ana Montez, uma portuguesa de 38 anos, há dez anos no Brasil. 

Experimentalista, ela mistura a técnica fotográfica com uma intervenção proposital, previamente pensada, para acrescentar significado ao resultado final de seu trabalho. Montez diz que agrega sentimentos a um registro documental e, graficamente, acrescenta textura à imagem.

São fotos documentais, instantâneas, porém, com o incremento de criação posterior da autora. Ana Montez esclarece que começou a perceber que as pessoas utilizam o espaço público, muitas vezes, dando outra função a ele. É o que ela denomina de função social do espaço associada à necessidade do momento. 

“Eu vi um grupo de criança em Marataízes numa pista de skate, mas nenhuma tinha skate, e brincavam pulando, dançando. Isso me chamou atenção, de como um espaço com determinada função, nós o adaptamos para outra”, explica.

Assim nasceu o projeto Função Social do Espaço, diz Montez, que se formou em design no Instituto de Arte e Design de Lisboa, Portugal. “Todas as fotos são espontâneas, eu vejo algo diferente que me chama a atenção, no diálogo, falo que estou fotografando, no entanto, não peço pra posarem”, explica a fotógrafa. 

Ana Montez fotografa há mais de dez anos e tem registros do Rio de Janeiro e Bahia, além do Espírito Santo. Seu trabalho profissional também inclui fotos de casamento, batismo, formatura e aniversário. 

Espaços da Ales

Quem quiser realizar exposição, há dois espaços disponíveis na Assembleia Legislativa. São eles: Galeria da Presidência, no andar térreo do Palácio Domingos Martins; e Galeria Marien Calixte, no pilotis. É preciso pré-agendar a data pessoalmente no setor do Cerimonial, no andar térreo, e em seguida formalizar o pedido junto à Presidência da Casa. O uso do espaço é gratuito. Mais informações pelo telefone (27) 3382-3722.

Serviço

O quê: Exposição fotográfica
Autora: Ana Montez
Onde: Galeria da Presidência – Palácio Domingos Martins – andar térreo
Quando: até dia 30 de novembro
Horário: das 7 às 19 horas

Audiência sobre terceiro setor é transferida
Comissão de Cidadania agendou nova data para realização de debate, que estava previsto para acontecer nesta terça-feira, à noite
Sessão destaca nomes no combate à violência contra a mulher
Dia Internacional para Eliminação da Violência Contra as Mulheres pautou solenidade na Assembleia. Casos de feminicídio subiram 46% em um ano no ES
Cicloturismo ganha legislação específica
Segundo iniciativa do deputado Gandini, rotas de cicloturismo ficarão abrigadas em uma única norma
Expediente na segunda será das 7 ao meio-dia
Em função do jogo Brasil x Suíça, serviços do Espaço Assembleia Cidadã também vão alterar seus horários de funcionamento
Audiência sobre terceiro setor é transferida
Comissão de Cidadania agendou nova data para realização de debate, que estava previsto para acontecer nesta terça-feira, à noite
Sessão destaca nomes no combate à violência contra a mulher
Dia Internacional para Eliminação da Violência Contra as Mulheres pautou solenidade na Assembleia. Casos de feminicídio subiram 46% em um ano no ES
Cicloturismo ganha legislação específica
Segundo iniciativa do deputado Gandini, rotas de cicloturismo ficarão abrigadas em uma única norma