Ferramenta virtual aumenta transparência em obra pública

Tecnologia foi apresentada pelo engenheiro e professor do Ifes Flavio Tongo ao colegiado de Educação na reunião desta terça-feira (3)

Por Nicolle Expósito

Comissão de Educação
Deputados elogiaram a iniciativa / Foto: Tati Beling

Na reunião desta terça-feira (03), o colegiado de Educação conheceu detalhes de uma ferramenta virtual criada para assegurar transparência e ampliar a fiscalização de obras públicas. O projeto utiliza a tecnologia de planejamento 4D BIM (Building Information Modeling) e foi apresentado por um de seus desenvolvedores, o engenheiro eletricista e professor do Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes) Flávio Tongo.

 

De acordo com Tongo, o projeto foi contemplado em 2013 por edital do Programa de Subvenção Econômica do Espírito Santo (Tecnova-ES) e Fundação de Amparo à Pesquisa do Espírito Santo (Fapes). A iniciativa foi financiada com recursos dos governos estadual e federal.

 

A tecnologia já foi aplicada no acompanhamento da construção da nova sede do Sebrae-ES, em Vitória. “Nossa proposta é que a tecnologia seja aplicada a obras do governo do Estado, como hospital, escola, praças para que o cidadão possa acompanhar visualmente na Internet, por meio do computador ou do smartphone, como a obra está”.

 

Segundo o professor, o 4D BIM é “uma filosofia de criação de projetos com inteligência”. Também esclareceu que o planejamento 4D consiste em unir o modelo 3D (três dimensões) da obra ao cronograma a ser executado. Flávio Tongo informou que o governo federal publicou um decreto em junho de 2017 para criar uma comissão para estimular o uso do BIM nas obras públicas, visando diminuir atrasos, estouro de orçamento e baixa qualidade.

 

O secretário de Controle e Transparência, Marcos Pugnal, participou da reunião e ponderou sobre custos e benefícios do projeto para o Estado. Também sugeriu que a Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop) conhecesse mais sobre o projeto. O subsecretário de Controle e Transparência, Valber Pinheiro Padilha, também esteve presente.

 

A apresentação da ferramenta virtual ao colegiado foi proposta pelo deputado Bruno Lamas (PSB), que elogiou a importância do projeto para assegurar transparência às obras realizadas com recursos públicos.

 

Os outros membros do colegiado presentes à reunião, deputada Luzia Toledo (MDB) e o presidente Rodrigo Coelho (PDT), também elogiaram a iniciativa. Coelho, porém, indagou sobre custos e questões técnicas para plataforma de disponibilização das informações sobre andamento das obras à sociedade.

Comissões: Educação
Comunidade debate obras de engordamento da Praia do Morro
O investimento previsto é de R$150 milhões e depende de aval do DER. A população questionou os riscos ambientais.
Reunião defende diversificação agrícola
Opinião foi defendida por convidados da Comissão de Direitos Humanos; participantes também levantaram a pauta da agroecologia para uma alimentação de qualidade
Adequação na LDO 2024 passa em Plenário
Matéria foi aprovada junto com outras três na tarde desta terça-feira; outros 11 projetos terminativos, já aprovados pela Comissão de Justiça, também constavam na pa...
Comissão aprova gratuidade em concurso para vítima de violência
Comissão de Justiça deu parecer favorável a projeto que estende benefício para mulher vítima de violência
Comunidade debate obras de engordamento da Praia do Morro
O investimento previsto é de R$150 milhões e depende de aval do DER. A população questionou os riscos ambientais.
Reunião defende diversificação agrícola
Opinião foi defendida por convidados da Comissão de Direitos Humanos; participantes também levantaram a pauta da agroecologia para uma alimentação de qualidade
Adequação na LDO 2024 passa em Plenário
Matéria foi aprovada junto com outras três na tarde desta terça-feira; outros 11 projetos terminativos, já aprovados pela Comissão de Justiça, também constavam na pa...
Política de Privacidade.

O Portal da Ales utiliza cookies para auxiliar na sua navegação. Ao utilizar este site, você concorda com a nossa política de monitoramento de cookies. Para mais informações, acesse a nossa Politica de Privacidade.

ACEITO E FECHAR