Sessão traz três urgências e Tribuna Popular

Matéria que veda suspensão de fornecimento de energia elétrica aguarda votação pelo Plenário, que receberá cinco convidados na Tribuna Popular

Por Nicolle Expósito

Tribuna Popular
Tribuna Popular de novembro será nesta segunda (4) / Foto: Lucas Albani

A votação de três projetos de lei (PL) em regime de urgência e a presença de cinco convidados do Tribuna Popular são destaques na sessão ordinária desta segunda-feira (4), com início às 15 horas.

Tramitam em urgência propostas para vedar a suspensão do fornecimento de energia elétrica sem aviso prévio do consumidor (PL 198/2019, de Vandinho Leite); matérias para garantir acessiblidade em salas de aula a alunos com deficiências (PLs 559/2019 e 892/2019, de Luciano Machado e Delegado Lorenzo Pazolini, respectivamente) e projeto que cria o Circuito Turístico das Três Santas na Região Serrana, contemplando Santa Leopoldina, Santa Teresa e Santa Maria de Jetibá (PL 62/2018, de Janete de Sá). 

Tribuna Popular

Já a edição da Tribuna Popular terá temas como a atuação de entidade filantrópica na prestação de serviços de saúde, impactos à sociedade com a possibilidade de privatização de empresas públicas, atuação sindical e hotelaria hospitalar.

O trabalho desempenhado pela Associação Evangélica Beneficente Espírito Santense (Aebes), organização social (OS) mantenedora do Hospital Evangélico de Vila Velha, será assunto abordado pelo presidente da associação, pastor Alexandre Mendes Cunha, e pela superintendente Sirlene Motta Carvalho.

Eles foram indicados pelo deputado Pastor Marcos Mansur (PSDB) para apresentar os serviços prestados no Hospital Evangélico, inaugurado em 1972 e considerado o maior centro de transplantes do Estado. Segundo a superintendente da Aebes, o Evangélico realiza cerca de 900 mil procedimentos por ano, entre cirurgias, exames e internações, a maior parte dos atendimentos, cerca de 80%, é de pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

Hotelaria hospitalar

Mauro Freitas Quintão vai falar sobre a importância da hotelaria hospitalar certificada. Mauro preside a Sociedade de Hotelaria Hospitalar do Espírito Santo, entidade fundada em 2015 com o objetivo aglutinar profissionais do setor e promover aperfeiçoamento científico de forma rotineira.

De acordo com Mauro, esse ramo envolve aproximadamente 18 contratos, como higienização, limpeza, esterilização, lavanderia, entre outros serviços que devem respeitar as regras e especificidades do ambiente hospitalar. Esse ramo também se diferencia por requerer elevado nível de especialização uma vez que serviços como a limpeza são desempenhados no ambiente hospitalar, em que qualquer infecção pode ser letal. Mauro Quintão foi indicado à Tribuna pelo deputado Torino Marques (PSL).

Privatização

Já a possibilidade de privatização das empresas públicas Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados) e Dataprev (Empresa de Processamento de Dados da Previdência) será o tema abordado pelo advogado Felipe Ludovico de Jesus, representante do sindicato dos servidores da Dataprev e convidado do deputado José Esmeraldo (MDB).

As duas empresas têm entre suas atribuições o registro e guarda de dados estratégicos – como números de documentos, endereços e empresas onde cada cidadão do país já trabalhou – e estão incluídas no pacote de privatizações anunciado pelo governo federal.

Trajetória sindical

A trajetória de 40 anos do Sindicato dos Jornalistas do Espírito Santo (Sindijornalistas-ES) também ganhará espaço na Tribuna Popular de novembro. A partir de convite da deputada Iriny Lopes (PT), o coordenador geral da entidade, Douglas Dantas, falará sobre trajetória e atuação sindical na defesa e representação de jornalistas no Estado.

Plenário faz extra para votar remuneração de professor
Também na pauta estão outros dois projetos do Executivo, sobre limite de municípios e atuação da Procuradoria-Geral do Estado junto à Junta Comercial
Servidoras da segurança são homenageadas
Mulheres que trabalham nas polícias Civil e Militar e no Corpo de Bombeiros receberam homenagem em sessão solene
Magistério deve ter nova tabela remuneratória
Proposta do Executivo também traz mudanças na lei que trata da progressão de profissionais da educação
Fundo Cidades: Ales sinaliza apoio a municípios
Para o vice-presidente da Amunes, prefeito Luciano Pingo, repasse fundo a fundo torna mais rápida transferência de recursos necessários para demandas municipais
Plenário faz extra para votar remuneração de professor
Também na pauta estão outros dois projetos do Executivo, sobre limite de municípios e atuação da Procuradoria-Geral do Estado junto à Junta Comercial
Servidoras da segurança são homenageadas
Mulheres que trabalham nas polícias Civil e Militar e no Corpo de Bombeiros receberam homenagem em sessão solene
Magistério deve ter nova tabela remuneratória
Proposta do Executivo também traz mudanças na lei que trata da progressão de profissionais da educação
Não há notícias referenciadas.