Quatro urgências encabeçam a pauta desta quarta

Entre elas está projeto de lei complementar que põe fim ao Fundo para a Redução das Desigualdades Regionais

Por Redação Web Ales

Deputados em Plenário
Sessão ordinária começa às 9 horas, com transmissão ao vivo pela TV Assembleia / Foto: Tati Beling

A pouco mais de uma semana do recesso parlamentar, quatro matérias em regime de urgência tramitam na Assembleia Legislativa. A sessão ordinária desta quarta-feira (11), a partir das 9 horas, traz na pauta, entre os itens para votação, o Projeto de Lei (PL) 994/2019, que revoga a Lei Estadual 8.308/2006. A proposta do Executivo põe fim ao Fundo para a Redução das Desigualdades Regionais, criado para partilha entre os municípios dos dos recursos arrecadados pelo Estado por meio de royalties da exploração de petróleo e gás natural. O projeto receberá em plenário parecer oral das comissões de Justiça, Ciência e Tecnologia e Finanças antes de ser votado pelo Plenário. Acompanhe ao vivo a sessão ordinária pela TV Assembleia. 

Também tramitando em urgência está o Projeto de Lei Complementar (PLC) 61/2019, do Executivo. A matéria visa fazer com que seja assegurada em lei a ocupação privativa de cargos em comissão da Subsecretaria de Estado de Receita por auditores fiscais concursados na pasta. Para isso, o PLC 61/2019 revoga a Lei Complementar (LC) 832/2016, que tornou esses cargos de livre nomeação. O projeto aguarda parecer oral, em plenário, das comissões de Justiça, Cidadania e Finanças. 

Completam a lista das urgências as seguintes matérias: PL 695/2019, de Luciano Machado (PV), obrigando estabelecimentos privados e públicos a inserirem, nas placas de atendimento prioritário, o Símbolo Mundial da Síndrome de Down; e PLC 57/2010, proposta do Tribunal de Justiça para  alterar o Fundo Especial do Poder Judiciário. A iniciativa é do Tribunal de Justiça. 

Descartáveis: semana para debater uso zero
Emílio Mameri sugere que data sirva para esclarecer impactos causados por esses produtos
Personal poderá ter livre acesso às academias
PL do Delegado Danilo Bahiense acaba com cobrança de taxas por parte dos alunos e educadores físicos
Doenças raras: diagnóstico tardio e custo do tratamento são entraves
Presidente de associação de apoio aos pacientes, Cristiane Alvarenga, defende criação de centro de referência para atendimento aos pacientes
Reaproveitamento do plástico em debate
Evento abordou a importância de tratar a reciclagem com viés econômico
Descartáveis: semana para debater uso zero
Emílio Mameri sugere que data sirva para esclarecer impactos causados por esses produtos
Personal poderá ter livre acesso às academias
PL do Delegado Danilo Bahiense acaba com cobrança de taxas por parte dos alunos e educadores físicos
Doenças raras: diagnóstico tardio e custo do tratamento são entraves
Presidente de associação de apoio aos pacientes, Cristiane Alvarenga, defende criação de centro de referência para atendimento aos pacientes
Não há notícias referenciadas.