Janete sugere ao governo fundo de apoio à pesca

Indicação encaminhada ao governador visa estruturar setor, que é composto, em sua maioria, por pequenos produtores que atuam de forma artesanal

Por Larissa Lacerda

Homem de chapéu, em pé no barco, lança rede de pesca na água
Objetivo é garantir melhores condições de trabalho e renda para esses trabalhadores / Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

A deputada Janete de Sá (PMN) é autora da Indicação Parlamentar 281/2021 solicitando que o governo estadual crie o Fundo de Apoio ao Setor Pesqueiro. O objetivo é estruturar o setor, composto em grande parte de pequenos pescadores que atuam de forma artesanal, garantindo melhores condições de trabalho e renda para esses trabalhadores.

No texto, a deputada aponta que a pesca é uma das principais atividades econômicas em 14 municípios litorâneos capixabas, com mais de 60 mil famílias que vivem da pesca, direta e indiretamente, no Estado.

Na justificativa da proposta, Janete de Sá ressalta que a cadeia produtiva da pesca no Espírito Santo é um segmento socioeconômico de destaque que demanda apoio do poder público.

“A criação do Fundo de Apoio ao Setor Pesqueiro certamente será um grande instrumento para alavancar a atividade em nosso estado, que, apesar da sua importância socioeconômica, carece de políticas públicas e participação mais efetiva na elaboração dos planejamentos. Essa é uma reclamação frequente dos pescadores artesanais, que normalmente não são ouvidos”, reforça a deputada.

A Indicação 281/2021 foi encaminhada ao governador Renato Casagrande (PSB) após leitura durante sessão ordinária. 
 

Deputados: Janete de Sá
Aniversário da CF é lembrado durante sessão
Majeski ressaltou as conquistas de direitos da Carta Magna e o desafio de estender essas garantias a todo cidadão brasileiro
Dois vetos e dez urgências na pauta desta quarta
Vetos precisam ser analisados para destrancar a pauta e permitir análise dos demais itens
Deputados orientam sobre câncer de mama
Majeski, Doutor Hércules e Janete de Sá apontaram necessidade de diagnóstico precoce e ações para ampliar acesso de pacientes a exames
Assembleia mantém veto a ICMS ecológico
Proposta que buscava estimular os municípios a preservar a biodiversidade será arquivada
Aniversário da CF é lembrado durante sessão
Majeski ressaltou as conquistas de direitos da Carta Magna e o desafio de estender essas garantias a todo cidadão brasileiro
Dois vetos e dez urgências na pauta desta quarta
Vetos precisam ser analisados para destrancar a pauta e permitir análise dos demais itens
Deputados orientam sobre câncer de mama
Majeski, Doutor Hércules e Janete de Sá apontaram necessidade de diagnóstico precoce e ações para ampliar acesso de pacientes a exames