Matéria prioriza vacinação de portuários

Segundo a deputada Iriny Lopes, levantamento do Ministério da Infraestrutura aponta avanço do contágio pela Covid-19 entre esses trabalhadores

Por Silvia Magna, com edição de Nicolle Expósito | Atualizado há 1 mês

Trabalhadores portuários durante execução de trabalho
Iriny: plano nacional já incluiu os trabalhadores marítimos e portuários no grupo prioritário / Foto: Cláudio Neves/ Agência de Notícias do Paraná

Incluir os trabalhadores portuários avulsos do Espírito Santo no rol de prioridades para a imunização contra o novo coronavírus. Esse é o objetivo do Projeto de Lei (PL) 151/2021, da deputada Iriny Lopes (PT).

A iniciativa determina que esses trabalhadores passem a integrar o grupo prioritário, como já ocorre com idosos, profissionais da saúde na ativa, pessoas com deficiência, entre outros segmentos. A autora justifica que os portuários correm alto risco de contaminação, principalmente porque, segundo ela, esse é um grupo que trabalha em regime de confinamento e muitos têm mais de 60 anos.

A deputada cita um levantamento realizado pelo Ministério da Infraestrutura que aponta o avanço do contágio entre os portuários. O estudo mostra que mais de 10% deles já foram acometidos pelo vírus, enquanto que a taxa nacional beira os 6%.

“A transmissão do vírus da Covid-19 aumenta nos grupos de trabalhadores em regime de confinamento. O Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 já incluiu os trabalhadores marítimos e portuários no grupo prioritário. Essa elevada taxa de contágio e o número crescente de casos da Covid-19 entre esses profissionais têm pressionado o sistema portuário, uma vez que a forma de contratação da mão de obra somente pode ser realizada dentre aqueles registrados nos órgãos gestores de mão de obra, que, em todo o país, contabiliza cerca de 20 mil trabalhadores”, explica Iriny na justificativa do PL.

A iniciativa foi lida em sessão ordinária no dia 22 de abril e enviada para as Comissões de Justiça, Saúde e Finanças. Caso vire lei, a medida entrará em vigor na data de sua publicação.

Outros grupos

Os deputados têm debatido a inclusão de outros grupos no rol de prioridades da imunização contra a Covid-19 no Espírito Santo. Iriny já solicitou que pessoas entre 30 e 50 anos sejam incluídas na lista. “Minha preocupação é com essa faixa da população economicamente ativa. São, na sua maioria, pais e mães. Então, portanto, têm risco de óbito”. Além dos jovens, a parlamentar sugeriu a vacinação de motoristas e cobradores de ônibus: “(Essa categoria) está permanentemente em local de aglomeração”, justificou.

Os deputados Engenheiro José Esmeraldo (sem partido) e Gandini (Cidadania) defenderam a imunização para autistas e pessoas com síndrome de Down.

No início de abril, a deputada Janete de Sá (PMN) protocolou a Indicação 826/2021, ao governo do Estado, pedindo prioridade na vacinação dos profissionais de imprensa contra a Covid-19. Decretos do governo federal e estadual consideram a atividade jornalística como essencial na pandemia. Já Bruno Lamas (PSB) propôs que líderes religiosos e trabalhadores na área de radiologia também entrem nessa lista. 

Deputados: Iriny Lopes
PLC sobre gratuidade no transporte entre as urgências
Projeto regulamenta dispositivo constitucional, com regras para concessão do benefício em ônibus intermunicipal a quem tem mais de 65 anos, menos de 6 e a pessoas co...
CPI quer punição para autor de crime contra gato
Animal foi atingido por pedrada e agonizou até a morte; imagens de câmeras de segurança mostram crime
Saúde defende isenção de ICMS para remédio
Colegiado vai debater com o governo estadual proposta para garantir isonomia fiscal aos únicos três medicamentos disponíveis no Brasil para tratar a Atrofia Muscular...
Plano de saúde: PL veda cobranças adicionais
Hospitais e clínicas credenciados não poderão cobrar a mais por consulta, exame ou procedimento se esses já tiverem cobertura em contrato
PLC sobre gratuidade no transporte entre as urgências
Projeto regulamenta dispositivo constitucional, com regras para concessão do benefício em ônibus intermunicipal a quem tem mais de 65 anos, menos de 6 e a pessoas co...
CPI quer punição para autor de crime contra gato
Animal foi atingido por pedrada e agonizou até a morte; imagens de câmeras de segurança mostram crime
Saúde defende isenção de ICMS para remédio
Colegiado vai debater com o governo estadual proposta para garantir isonomia fiscal aos únicos três medicamentos disponíveis no Brasil para tratar a Atrofia Muscular...