Projeto reduz taxas de licenciamento veicular

Renovação de CRLV e transferência de propriedade estão entre os itens que podem ficar mais baratos

Por João Caetano Vargas, com edição de Nicolle Expósito | Atualizado há 1 ano

Carros em movimento em via de tráfego de veículos
Iniciativa altera 12 taxas de tabela referente ao licenciamento de veículos / Foto: Secom/Governo RS

Reduzir as taxas para licenciamento veicular no Espírito Santo, essa é a proposta apresentada pelo deputado Bruno Lamas (PSB) por meio do Projeto de Lei (PL) 257/2021, que tramita na Assembleia Legislativa (Ales). A proposta altera a lei 7.001/2001, que dispõe sobre as taxas em razão do exercício do poder de polícia ou pela utilização efetiva ou potencial de serviços públicos específicos e divisíveis de trânsito, prestados ou postos à disposição do contribuinte.

“Por determinação do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), desde janeiro de 2021, o Certificado de Registro de Veículo (CRV), popularmente conhecido por DUT (Documento Único de Transferência) ou ‘verdinho’, deixou de ser emitido em papel moeda e será unificado ao Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo Eletrônico (CRLV-e), de forma digital, sendo necessário ser expedido conforme já ocorre atualmente: apenas quando o proprietário realizar um serviço que exija um novo registro no veículo”, explica o parlamentar no texto de justificativa da iniciativa.

A medida altera, ao todo, 12 taxas, calculadas de acordo com o Valor de Referência do Tesouro Estadual (VRTE), atualmente fixado em R$ 3,64. O PL passará por análise dos colegiados de Justiça e Finanças antes de seguir para votação.

Confira abaixo tabela com os valores atuais e com as novas taxas propostas pelo deputado Bruno Lamas:

Deputados: Bruno Lamas
Aniversário da CF é lembrado durante sessão
Majeski ressaltou as conquistas de direitos da Carta Magna e o desafio de estender essas garantias a todo cidadão brasileiro
Dois vetos e dez urgências na pauta desta quarta
Vetos precisam ser analisados para destrancar a pauta e permitir análise dos demais itens
Deputados orientam sobre câncer de mama
Majeski, Doutor Hércules e Janete de Sá apontaram necessidade de diagnóstico precoce e ações para ampliar acesso de pacientes a exames
Assembleia mantém veto a ICMS ecológico
Proposta que buscava estimular os municípios a preservar a biodiversidade será arquivada
Aniversário da CF é lembrado durante sessão
Majeski ressaltou as conquistas de direitos da Carta Magna e o desafio de estender essas garantias a todo cidadão brasileiro
Dois vetos e dez urgências na pauta desta quarta
Vetos precisam ser analisados para destrancar a pauta e permitir análise dos demais itens
Deputados orientam sobre câncer de mama
Majeski, Doutor Hércules e Janete de Sá apontaram necessidade de diagnóstico precoce e ações para ampliar acesso de pacientes a exames