Deputada quer incentivar estudo da Constituição

Janete de Sá propõe medida para que estudantes conheçam os princípios constitucionais de forma a exercerem os respectivos direitos

Por Gleyson Tete, com edição de Nicolle Expósito | Atualizado há 9 meses

Jovem sentado em mesa de biblioteca lê livro, à frente dele, capa da Constituição federal
Janete avalia que conhecer direitos e deveres é fundamental para construção da cidadania / Foto: Lissa de Paula/Arquivo Ales

Instituir no Espírito Santo uma semana dedicada ao estudo das Constituições federal e do Espírito Santo na rede pública de ensino estadual. Esse é o objetivo do Projeto de Lei (PL) 868/2021, protocolado pela deputada Janete de Sá (PMN) na Assembleia Legislativa (Ales). Conforme a proposta, a atividade será realizada na semana do dia 5 de outubro.

Para a parlamentar, o ensino das Constituições federal e estadual deve ser uma constante nas salas de aula. “A escola não é somente um ambiente preparatório para o mercado de trabalho, mas também um lugar de convivência e do aprendizado das leis e dos objetivos comunitários, bem como um espaço privilegiado para o desenvolvimento da cidadania”, explica.

Direitos e deveres

De acordo com a iniciativa, todas as escolas estaduais que possuem ensino médio deverão ofertar uma semana temática com reflexões e debates a respeito das duas constituições. “Os estudantes devem conhecer seus deveres e direitos e os principais objetivos e valores das nossas constituições para poderem valorizar e defender as cartas magnas”, ressalta Janete.

A deputada reforça que é “notória” a falta de conhecimento básico da população brasileira a respeito da Constituição. “Isso faz com que cresçam cada vez mais os índices de crimes e de injustiças no Brasil. Acreditamos que para começarmos a combater a criminalidade e as injustiças precisamos conhecer melhor nossos direitos e deveres”, conclui.

Por se tratar de proposta que trata de inclusão de data comemorativa no calendário oficial, a iniciativa será analisada conclusivamente pela Comissão de Justiça. Se o projeto for aprovado e virar lei, a nova legislação deve começar a valer a partir da publicação em diário oficial.

Deputados: Janete de Sá
Secretário da Fazenda destaca superávit no ES
Em prestação de contas na Ales, Marcelo Martins Altoé apontou aumento de arrecadação registrado nos primeiros oito meses de 2022
Terceiro setor é pauta de reunião na Assembleia
Especialista falou em reunião da Comissão de Cidadania sobre importância de entidades que exercem atividades de interesse social
Chuvas: aprovado auxílio financeiro para atingidos
Nova edição do Cartão Reconstrução ES pagará até R$ 3 mil em parcela única 
Marino presta contas de trabalho à frente da Sesa
Em audiência, secretário de Saúde em exercício falou sobre pandemia, imunização contra Covid e outras doenças, investimentos públicos e judicialização
Secretário da Fazenda destaca superávit no ES
Em prestação de contas na Ales, Marcelo Martins Altoé apontou aumento de arrecadação registrado nos primeiros oito meses de 2022
Terceiro setor é pauta de reunião na Assembleia
Especialista falou em reunião da Comissão de Cidadania sobre importância de entidades que exercem atividades de interesse social
Chuvas: aprovado auxílio financeiro para atingidos
Nova edição do Cartão Reconstrução ES pagará até R$ 3 mil em parcela única